Jané | Todos os produtos para o seu Bebé
Língua:
Carrinho 0
A JANÉ utiliza cookies próprios e de terceiros para fins analíticos, para melhorar os nossos serviços e mostrar-lhe publicidade relacionada com as suas preferências com base nos seus hábitos de navegação. Mais informação Personalizar cookies

AESVI – Alianza Española por la Seguridad Vial Infantil

Sabia que a Jané faz parte da AESVI?

AESVI é a 'Alianza Española por la Seguridad Vial Infantil', uma associação onde a maioria das pessoas envolvidas na segurança rodoviária infantil uniram todas as suas forças para fazer face a um único objetivo: melhorar a proteção rodoviária das crianças.

AESVI engloba a maioria das universidades, pediatras, urgências, a Asociación Nacional de Matronas, a DGT, o Servei Català de Trànsit, a Dirección de Tráfico del País Vasco, os consumidores, a Asociación Nacional de Seguridad Infantil, a CEAPA, as forças e corpos de segurança do Estado, os fabricantes de SRI e importadores de cadeirinhas e os clubes automobilísticos.

Sob o lema “Sua segurança, nosso compromisso” todo o setor se uniu para procurar fórmulas de trabalho que permitissem reduzir o risco de lesões das crianças nas deslocações no veículo.  

A AESVI pressupõe a colocação em funcionamento de um fórum onde encontrar respostas às dúvidas mais comuns sobre segurança rodoviária infantil. Este fórum é útil tanto para utilizadores como para distribuidores, onde a investigação científica é a que vai resolver todas as questões que surgirem.

Dentro desta união, na Jané, como fabricante de sistemas de retenção infantil e membro da La Mesa de la Seguridad Infantil en el Vehículo, assumimos o compromisso real de melhorar a segurança das crianças dia após dia.

Como o fazemos?

Melhorando a formação dos profissionais responsáveis ​​pela venda de dispositivos de retenção infantis.

Potenciando a informação aos responsáveis ​​pela segurança dos menores mediante recursos destinados a melhorar o seu conhecimento sobre proteção infantil.

Investigando e promovendo estudos técnicos.

Realizando campanhas de informação para sensibilizar sobre a necessidade de transportar as crianças corretamente protegidas no veículo.

Para harmonizar que todas as mensagens dirigidas aos pais, tutores e cuidadores que são responsáveis ​​pelo transporte de menores em veículos o façam corretamente, foi desenvolvido o seguinte decálogo acordado por todos os participantes da AESVI:

Decálogo AESVI:

1. No veículo, transporte sempre a criança presa num sistema de retenção infantil adequado ao seu tamanho e peso, independentemente do percurso ser curto ou longo. E nunca, sob nenhuma circunstância, deixe o menor sozinho ou sem a supervisão de um adulto.

2. Utilize sempre cadeiras homologadas e, se possível, opte pelo regulamento mais atual, pois os requisitos de segurança são mais elevados. Verifique a etiqueta de homologação, que deve indicar o tamanho e/ou o peso para os quais o produto foi homologado.

3. Para adquirir um sistema de retenção infantil, dirija-se a um centro especializado onde o aconselharão sobre as necessidades da criança e explicarão as características de cada cadeira e a sua instalação. Leia atentamente as instruções da cadeira certificando-se de que a sua instalação está absolutamente correta e guarde-as para futuras consultas.

4. Não compre cadeiras em segunda mão, nem aceite aquelas que já foram utilizadas durante um longo período de tempo. E após um acidente, a cadeira deve ser substituída.

5. O veículo e a cadeira infantil atuam de forma conjunta. Antes de comprar uma cadeira, verifique o sistema de fixação do seu veículo (i-Size, ISOFIX e/ou cinto de segurança), e procure uma cadeira que se adapte a ele.

6. Coloque sempre a criança nos bancos traseiros do veículo. E lembre-se de fazer a criança entrar e sair pela parte segura da estrada (como o passeio). Se só puder colocá-la no banco da frente, desconecte o airbag dianteiro se a cadeira for instalada no sentido contrário à marcha. 

7. Recomenda-se colocar a criança no sentido contrário à marcha o máximo de tempo possível, respeitando as limitações estabelecidas pelos fabricantes dos sistemas de retenção infantil e do veículo. Ajuste sempre bem os arneses ou os cintos ao corpo da criança, sem folgas.

8. Para as crianças de mais idade, é aconselhável utilizar cadeiras com encosto de pelo menos 135 cm de altura, pois oferece mais proteção contra impactos laterais e melhora a eficácia do cinto de segurança.

9. Nunca viaje com objetos soltos, nem coloque bagagem ou animais de estimação no veículo ao lado das crianças. Em caso de travagem ou impacto, podem ser projetados e provocar lesões graves na criança. 

10. Em caso de acidente, e sempre que possível, a criança deve ser retirada do veículo acidentado no seu sistema de retenção infantil, e a criança nunca deve ser retirada nos braços (salvo riscos iminentes).

Back to top
Novo Registo de Conta
O meu carrinho